CrossFit Games

A CrossFit Apresenta Sete Novos “Girls” Workouts

February 23, 2021 by
Image - Athlete’s Eye Photography
Enjoying Morning Chalk Up? Access additional exclusive interviews, analyses, and stories with an Rx membership.

Editor’s Note: This story was translated to Portuguese from the original English version, which you can read here.

Aqueles que seguem os treinos diários da CrossFit.com devem ter notado alguns novos “Girl” benchmarks durante o mês de janeiro.

A CrossFit Training introduziu seis novos WODs que se juntam à lista icônica de “The Girls” – “Angie,” “Barbara,” “Chelsea”, “Diane”, “Elizabeth” e “Fran” – apresentada pela primeira vez em 2003.

Os detalhes: em 3 de janeiro, foram postados no site os workouts “Grettel” e “Ingrid”, dando início a um período de duas semanas apresentando as primeiras “Girls” da CrossFit em mais de uma década.

  • “Grettel”
    • 10 Rounds for Time:
    • 3 Clean-and-Jerks, 135/95 pounds
    • 3 Burpees over the Bar
  • “Ingrid”
    • 10 Rounds for Time:
    • 3 Snatches, 135/95
    • 3 Burpees over the Bar
  • Barbara Ann” (Postado no dia 4 de Janeiro)
    • 5 Rounds for Time:
    • 20 Handstand Push-Ups
    • 30 Deadlifts 135/95 pounds
    • 40 Sit-Ups
    • 50 Double-Unders
    • 3 minutos de descanso
  • Lyla” (Postado no dia 7 de Janeiro)
    • For Time, 10-1:
    • Muscle-Ups
    • Clean-and-Jerks com peso corporal
  • Ellen” (Postado no dia 10 de Janeiro)
    • 3 Rounds for Time:
    • 20 Burpees
    • 21 Dumbbell Snatches 50/35 pounds, um dumbbell
    • 12 Dumbbell Thrusters 50/35 pounds, dois dumbbells
  • Andi” (Postado no dia 14 de Janeiro)
    • For Time:
    • 100 Hang Power Snatches 65/45 pounds
    • 100 Push Presses, 65/45 pounds
    • 100 Sumo Deadlift High Pulls, 65/45 pounds
    • 100 Front Squats, 65/45 pounds
  • Lane” (Postado no dia 26 de Janeiro)
    • 5 Rounds for Max Reps:
    • ¾ Bodyweight Hang Power Snatches
    • Handstand Push-Ups
    • Descanse o necessário entre as rodadas

Um porta-voz da CrossFit afirmou que os novos treinos, ao contrário das “Girls” originais, não receberam o nome de ninguém em particular, mas são “primos” dos benchmarks clássicos com “cada um projetado para ter uma aparência semelhante a um benchmark, embora sendo únicos.” Um exemplo disso é o esquema de repetição da “Andi” seguindo o de “Angie” e “Lyla” seguindo a ordem decrescente de “Linda”.

Conclusão: a CrossFit há muito usa os treinos postados em seu site como um teste decisivo e uma prévia dos treinos que acabam no Open ou nos Games. A introdução de novos “Girls” benchmarks,  dois meses antes do início do Open pode ser um sinal de que um ou mais desses treinos aparecerão de uma forma ou outra em algum momento da temporada dos CrossFit Games. Um treino como “Ellen”, combinado com a lista de equipamentos para o Open, gera uma sensação de treino “clássico” do Open, enquanto as cargas leves, mas volume alto de “Grettel”, “Ingrid”, “Andi” e “Barbara Ann” também os tornam uma possibilidade para o início da temporada este ano.

Get the Newsletter

For a daily digest of all things CrossFit. Community, Competitions, Athletes, Tips, Recipes, Deals and more.

This field is for validation purposes and should be left unchanged.