O Sucesso das Atletas Adolescentes é Transferido para as Quartas de Final

April 6, 2021 by
Credit: CrossFit LLC
Enjoying Morning Chalk Up? Help to ensure that we can continue to be an independent voice for the community and sport we love by supporting our journalism today.

Editor’s Note: This story was translated to Portuguese from the original English version, which you can read here.

Sem querer ser chato, mas se você ainda está entre aquele pequeno grupo de pessoas que estava esperando o desempenho dos adolescentes cair nas quartas de final dos 2021 NOBULL CrossFit Games, agora provavelmente está desapontado. Eles estão aqui para ficar e não ficarão satisfeitos com uma medalha de participação, estão aqui para competir por pódios e títulos. Aqui está a última análise de como os atletas e ex-atletas das categorias Teens se saíram durante a fase das quartas de final.

No prazo de nossa publicação, os resultados da tabela de classificação das quartas de final não são oficiais.

Divisão feminina de 16 a 17 anos: a classificação feminina das quartas de final da América do Norte é aquela que foi assumida pela divisão adolescente. Quatro atletas adolescentes que competiram nos Games estão entre as 30 primeiras, incluindo dois entre as 5 primeiras.

  • Mallory O’Brien: O’Brien terminou em terceiro, apenas três pontos atrás de Amanda Barnhart, a primeira colocada das quartas de final da América do Norte. Ela se juntou a Bethany Shadburne (11ª na América do Norte) como as únicas duas atletas no continente a submeter quatro resultados entre as 20 primeiras nos cinco testes. Seu tempo de 14:49 no Teste 2 foi o terceiro mais rápido do mundo, atrás de Tia-Clair Toomey-Orr e Feeroozeh Saghafi. Seu pior resultado foi no Teste 3, terminando em 57º, mas recuperou com 20° e 17º nos Testes 4 e 5, respectivamente.
  • Emma Cary: Cary deu prosseguimento ao seu segundo lugar no Open com um quarto lugar na América do Norte, apenas seis pontos atrás de O’Brien. A jovem de 16 anos teve dois resultados entre as dez primeiras na América do Norte, ficando em quarto lugar no Teste 2 e sexto no Teste 3. Cary respondeu às críticas sobre sua força bruta no Teste 4, colocando 257 libras nos quatro repetições de Front Squat, a colocando em 46º.
  • Emma Lawson: Lawson é a atleta mais jovem a se classificar para uma semifinal, após terminar em 24º na América do Norte. Ela começou as quartas de final com dois resultados consecutivos entre as 20 primeiras, incluindo um 12º lugar no Teste 1. Lawson colocou a quinta melhor pontuação para uma canadense, à frente das veteranos dos Games, Chloe Gauvin-David e Carol-Ann Reason-Thibault
  • Olivia Sulek: Sulek é a quinta atleta da categoria Teen na América do Norte. Ela ficou em 30º, graças a quatro finalizações entre as 100 primeiras. Seu melhor 

resultado foi no Teste 1, terminando em 7:24.

Divisão masculina de 16 a 17 anos: Dos mais de 100 meninos que se classificaram para as quartas de final, apenas um pequeno número deles competiu, optando por se concentrar no Age Group Online Qualifier.

  • Omri Meler: O jovem israelense de 17 anos foi o adolescente mais próximo a se classificar para uma vaga na semifinal, terminando em 81º na Ásia, a apenas 51 posições de uma vaga nas eliminatórias. Ele alcançou três resultados entre os 100 primeiros em suas quartas de final, incluindo um oitavo lugar no Teste 2, terminando o chipper em 18:10. 
  • Nate Ackermann: O jovem de 17 anos foi o melhor adolescente da divisão na América do Norte, colocando-se em um respeitável 265º lugar em um campo que contou com mais de 7.000 atletas competindo. Seu melhor resultado foi no Teste 2, onde ficou em 54º lugar na América do Norte com o tempo de 17:26.

Ex-atletas das categorias Teens: eles deixaram sua marca nas tabelas de classificação das quartas de final, não mais do que no lado feminino do continente norte-americano, onde as ex-atletas representam 10% do total.

  • Paige Powers: Uma veterana de dois Games na divisão adolescente lidera o grupo na 23ª colocação. A Mayhem Athlete, de 18 anos, teve quatro resultados entre os 100 primeiros, destacados por um 13º no Teste 5.
  • Haley Adams: A garota-propaganda do sucesso da divisão adolescente foi dominante para começar as quartas de final, conseguindo três resultados consecutivos nos cinco primeiros na América do Norte, incluindo uma vitória no Teste 3 com o tempo de 9:26, bom o suficiente para o sexto lugar no mundo todo. Ela se recuperou de uma 515ª colocação no Teste 4, ficando em 28º no teste final, chegando ao 33º lugar na tabela de classificação.
  • Alexis Raptis: Ficou em 42º lugar na tabela de classificação da América do Norte graças ao quinto lugar no Teste 1. A jovem de 22 anos acrescentou mais dois resultados no Top 100 para garantir sua vaga na Semifinal.
  • Ashleigh Wosny (78º lugar), Shelby Neal (81º), Lindsey Porter (83º), Faith Ferguson (84º), Kaela Stephano (85º), Kelsey Schulte (111º), Marie-Pier Bonneau (115º) e Rebecca Fuselier (119º) completam as ex-atletas dos Games da divisão adolescente que ocupam vagas nas semifinais da América do Norte.
  • Gabriela Migala: A polonesa é a única atleta a ganhar uma vaga nas eliminatórias da semifinal no continente europeu. A jovem de 22 anos terminou em segundo lugar nas quartas de final, apenas oito pontos atrás de Laura Horvath. Ela foi a única mulher na Europa a lançar três resultados nos cinco primeiros.
  • Luiza Marques: A brasileira de 19 anos é a última atleta a ganhar uma vaga na semifinal. Ela competiu nos Games na divisão adolescente 2016-2018 dominando a categoria no Brasil por quatro anos. Ela está em 14º lugar após as quartas de final da América do Sul.
  • Dallin Pepper: Um dos quatro jovens de 19 anos em todo o mundo que conquistaram uma vaga nas semifinais, ele lidera um grupo de seis ex-atletas adolescentes dos Games que terminaram entre os 120 primeiros na América do Norte. Seus dois primeiros 15 resultados o colocam em 34º atualmente. Seu tempo de 2:04 foi o sétimo melhor nas quartas de final.
  • Cole Greashaber: O atleta de 21 anos ocupa o 57º lugar na América do Norte graças a três resultados nos 100 primeiros, incluindo um quarto lugar no Teste 3 com um tempo de 7:53.
  • Angelo DiCicco: Um nome que apareceu na tabela de classificação foi deste pupilo da CrossFit Mayhem. Duas vezes campeão dos Games da divisão adolescente, DiCicco anunciou sua aposentadoria do esporte em 2018 devido a um problema degenerativo nas costas. O bombeiro em tempo integral parece estar de volta, competindo em seu primeiro Open desde 2018 e agora é um classificado para as semifinais depois de ficar em 91º nas quartas de final da América do Norte.
  • Jack Farlow (95º) e Tudor Magda (118º) também estão em vagas de classificação para as semifinais com James Sprague a uma posição, em 121 na América do Norte.
  • Benjamin Gutierrez: O chileno lidera todos os ex-atletas do sexo masculino em termos de classificação em suas respectivas quartas de final, terminando em terceiro na América do Sul. O jovem de 20 anos não terminou fora dos 20 primeiros em nenhum de seus testes das quartas de final.
  • Guilherme Malheiros: Atrás de Gutierrez nas quartas de final da América do Sul está o Malheiros. O brasileiro de 21 anos venceu os dois últimos testes, incluindo um Front Squat de quatro repetições com 425 libras no Teste 4, que ficou em 15º no mundo.
  • Quartas de final da Europa: Quatro jovens ex-atletas estão nas vagas de classificação para as semifinais, lideradas por Murtaza Nadeem, de 21 anos (55º colocado), do Reino Unido. Haraldur Holgersson (56º), Gabi Castro (58º) e Bryan Hernandez (60º).
  • Quartas de final da Oceania: Bayley Martin (24º) e Luke De Jonge (28º) competiram entre si nosGames de 2017 na divisão 16-17. Agora eles vão dividir a arena mais uma vez, pois ambos se classificaram para a Torian Pro Semifinal.
  • Yogev Meller: Meller é o único aluno adolescente na Ásia que avançará para a fase semifinal após ficar em 22º nas quartas de final. O israelita de 21 anos ficou em 10º lugar no Teste 2 na Ásia com um tempo de 18:19.

Mais adolescentes: há uma série de adolescentes que não competiram nos Games na categoria Tee que estão entrando nas semifinais e que vale a pena mencionarmos.

  • Mulheres: Anikha Greer (18 anos / 26º na América do Norte), Freya Moosbrugger (19 anos / 45º na América do Norte), Maggie Pairan (19 anos / 77º na América do Norte), Alex Willis (19 anos / 100º na América do Norte), Reegan Finkel (18 anos / 23º na África), Anastasia Plekhanova (18 anos / 6º na Ásia), Gabriella Moratti (19 anos / 5º na América do Sul) e Bia Clemente (18 anos / 12º na América do Sul).
  • Homens: Tomas Sarmiento (19 anos / 28º na América do Sul)

Get the Newsletter

For a daily digest of all things CrossFit. Community, Competitions, Athletes, Tips, Recipes, Deals and more.

  • This field is for validation purposes and should be left unchanged.