CrossFit Games

Sono, Carboidratos, WHOOP e Rich Froning: Como Haley Adams Se Preparou Para o MACC

May 26, 2021 by
Courtesy of Haley Adams: https://www.instagram.com/haleyadamssss/
Enjoying Morning Chalk Up? Access additional exclusive interviews, analyses, and stories with an Rx membership.

Editor’s Note: This story was translated to Portuguese from the original English version, which you can read here.

Desde a quarta colocação geral nos CrossFit Games no verão passado, aos 19 anos, Haley Adams está se dirigindo para o Mid-Atlantic CrossFit Challenge neste fim de semana em Knoxville, mais forte e em forma do que nunca.

  • Em termos de treinamento, ela tem seguido um “ciclo de força super consistente” nos últimos meses. Isso se traduziu em um grande crescimento, como fazer 10 séries de 3 front squats com cargas que ela costumava fazer apenas uma. “No geral, tudo melhorou desde o ano passado”, disse Adams sobre sua melhora.

Detalhes de um dia na vida da Hailey nos últimos meses, ela tem acordado todos os dias no mesmo horário – 7h30.

  • Ela come um pedaço de torrada com banana e mel no café da manhã, uma adição relevante à sua rotina matinal este ano, já que no ano passado, ela disse que raramente comia antes de seu primeiro treino do dia.
  • Em seguida, vai para a academia para a primeira das duas sessões de treino do dia, que dura em média três horas com seu mentor e parceiro de treinamento, o quatro vezes campeão dos CrossFit Games, Rich Froning. Geralmente, eles fazem o mesmo treino, juntos, em cada sessão.
  • Em um dia bom, é uma experiência perfeita, mas nos dias em que ela se sente particularmente “cabeça dura”, às vezes eles começam a agir mais como irmão e irmã, explicou ela. “Nós brigamos. Discutimos muito ”, disse Haley, rindo.
  • Normalmente, a discussão começa porque ela simplesmente não gosta do que Froning planejou. “E simplesmente parte desse ponto”.
  • Independentemente disso, o resultado é sempre o mesmo: Froning “ganha” a discussão e, muitas vezes, Adams se sente mal e pede desculpas.
  • Depois que suas seis horas no box estão completas, ela vai para casa e come, e então come mais um pouco. “Eu como muito à noite, funciona bem para mim”, disse Adams.
  • O jantar geralmente inclui uma tigela grande de salada, uma tigela grande de arroz com frango e algumas batatas. Então, antes de dormir, ela come mais uns snacks. “Eu poderia comer mais do que isso. Facilmente.” ela disse.
  • Então, às 21h30, as luzes estão apagadas.

Destaque: Haley tem comido 500 gramas de carboidratos por dia, uma quantidade acima dos 400 gramas que ela comeu na temporada passada. Ela também consome 175 gramas de proteína e 55 gramas de gordura por dia, o que é consistente com o ano passado. O aumento dos carboidratos tem feito maravilhas.

  • “Meu corpo se sente bem. Me sinto recuperada”, disse Haley, acrescentando que também tem mais energia pela manhã e pode colcoar mais intensidade. “E também, só de saber que tenho tanta comida para comer. E eu adoro comida ”, disse ela.
  • E embora mais carboidratos não tenham levado a um aumento no peso corporal – ela tem consistentemente em torno de 140 libras – “Parece que eu ganhei massa, e todo mundo parece pensar assim também”, disse Haley.
Courtesy of Haley Adams: https://www.instagram.com/haleyadamssss/

Importante ressaltar: no final de 2020, ela começou a usar WHOOP, uma pulseira que fornece métricas sobre o treino, sono e recuperação, e disse que tem sido bem útil para normalizar seu sono, ter mais informações sobre sua nutrição e hidratação e, no fim das contas, melhorar sua recuperação.

  • Desde o uso do WHOOP, ela descobriu que se recupera e se sente melhor quando vai para a cama no mesmo horário todas as noites e acorda no mesmo horário pela manhã. Este não era o caso antes do gadget.
  • “Eu acho que ia para a cama em um horário diferente todos os dias no ano passado, e realmente não pensaria nada sobre isso … Às vezes era às 8h30 e às vezes era às 11h30”, disse Adams.
  • Além disso, quando o WHOOP diz que sua recuperação está baixa, ela agora tem as ferramentas para melhorá-la. Isso geralmente significa comer mais, beber mais água, certificando-se de que ela está “realmente descansando” entre os treinos, explicou ela, e às vezes fazendo uma sauna de 30 minutos.
  • “Tenho feito isso nos últimos meses e, nos dias em que estou na sauna, me sinto melhor, percebi que isso ajuda um pouco na minha recuperação”, disse ela.

Conclusão: após nove meses fazendo tudo o que pode no que diz respeito a treino sono, nutrição, hidratação e recuperação, Haley Adams não poderia estar mais animada para enfrentar algumas das melhores atletas de CrossFit do mundo neste fim de semana e conquistar seu ingresso para os Games. E aos 20 anos, embora ela já tenha um currículo brilhante no CrossFit, parece que está apenas começando.

  • “Estou super animada. Me sinto muito bem, muito preparada, adoro os workouts. Mal posso esperar para competir na frente de uma multidão novamente, (para) finalmente entrar em ação (de novo) com algumas das melhores do esporte, e mal posso esperar para mostrar o resultado a todos ”, disse ela.

Get the Newsletter

For a daily digest of all things CrossFit. Community, Competitions, Athletes, Tips, Recipes, Deals and more.

This field is for validation purposes and should be left unchanged.